+Natal RN - O Guia Comercial do Rio Grande do Norte
Vamos conhecer um pouco da nossa cidade?

Macau no Rio Grande do Norte

0

Vamos conhecer Macau no Rio Grande do Norte? Nas belíssimas praias desta cidade, os passeios são feitos de buggy, cavalo, jumento ou ultraleve. O ecoturismo é um dos tipos de turismo mais realizados nesta cidade. Os mangues macauenses possuem um grande potencial natural e ecológico, surpreendem pelo estado de preservação natural.

Existem muitas dunas nas praias de Diogo Lopes, Barreiras e Soledade, e também ao longo da margem do Rio Conceição adequadas à exploração do turismo e a contemplação.

Os passeios podem ser realizados por buggy, a cavalo, jumento ou ultraleve. Pontos Turísticos: Conheça alguns dos principais pontos turísticos de Macau: Praia de Camapum: urbana com águas claras, raras e cristalinas.

Macau no Rio Grande do Norte
Macau no Rio Grande do Norte

Esta praia é totalmente urbanizada com calçadão, barracas, bares, restaurantes e pousadas. Praia de Barreiras, conhecida desde quando por ali perambulavam os índios Potiguares, quando chamavam o atual rio Tubarão de “Unapatuban” e, pelos holandeses que exploraram as salinas do município.

Praia de Diogo Lopes, praias com dunas ainda inexploradas, uma reserva de manguezais ainda totalmente virgem e sem poluição. A praia possui belos coqueirais e um povo muito hospitaleiro. Praia de Soledade: pouco habitada, com uma extensão aproximadamente de 3km de praia com água limpas e cristalinas.

Praia de Camapum

A Praia de Camapum está localizada na Ilha de Alagamar, a cerca de 3,5 Km do centro da cidade, próxima da foz do Rio Assu, a Praia, que era conhecida como Ilha de Camapum, começou a ser visitada apenas na década de 1980, com a construção da estrada que liga Macau a Camapum.

Com um mar raso, e de águas bastante tranquilas, areia dura e fina, a Praia de Camapum é caracterizada principalmente pela grande quantidade de salinas que guarda ao seu redor, sendo a praia de maior salinidade do Rio Grande do Norte.

Tendo passado por um processo de urbanização de certa forma acelerado, hoje a Praia de Camapum é capaz de oferecer uma boa infra-estrutura aos visitantes. Além de totalmente urbanizada, a Praia de Camapum conta com restaurantes, bares e pousadas.

Macau no Rio Grande do Norte
Macau no Rio Grande do Norte

Uma curiosidade interessante fica por conta do nome da praia, que vem da planta chamada Camapu, conhecida por seu potencial medicinal, muitas vezes indicada pra o tratamento dor de ouvido, icterícia, inflamações na bexiga e no fígado e reumatismo. Essa vegetação era abundante na região, mas foi destruída com o processo de urbanização.

Entre as comemorações que ocorrem na Praia de Camapum, estão a Vaquejada, que ocorre no mês de julho há mais de 10 anos, conhecida como a única vaquejada de praia do estado, e seu Réveillon.

Ilha de Alagamar

A Ilha do Alagamar fica a cerca de três quilômetros em direção norte da sede do município de Macau no Rio Grande do Norte. A cidade de Macau faz parte da região turística conhecida como Costa Branca, que recebeu esse nome devido às enormes salinas, as maiores salinas do estado do Rio Grande do Norte estão localizadas na ilha do Alagamar.

Alagamar conta com uma certa infra estrutura capaz de acolher moradores e turistas. A cidade possui casas de veraneio e é habitada por trabalhadores da empresa Salinor.

Museu Carnavalesco Colo Santana

O Museu Carnavalesco Colo Santana é um ótimo lugar para você visitar quando estiver passando por Macau no Rio Grande do norte.

No Brasil, somente três cidades possuem um museu dedicado ao carnaval: Rio de Janeiro, Salvador e Macau. O Museu Carnavalesco Colô de Santana apresenta a evolução do carnaval de Macau através de fantasias, alegorias, fotos e documentos dos blocos da cidade a partir de 1951. Esforço pessoal de Titico, presidente do museu e mestre da Escola de Samba Ases do Ritmo.

Macau no Rio Grande do Norte
Macau no Rio Grande do Norte

Atualmente, o Museu Carnavalesco Colô de Santana está funcionando numa garagem, localizado próximo ao Mercado Público, fechado na maior parte do tempo. Conforme Chiquinho Catapirra, responsável pelo museu, todos os objetos históricos do museu vai ser transferido para outro local que será designado pela Prefeitura de Macau.

Quem é o Chiquinho Catapirra?

A história de Chiquinho Catapirra confunde-se com a história do carnaval macauense, tornando-se um capítulo a parte dessa folia. Catapirra começou a brincar carnaval aos cinco anos de idade, influenciado pelo tio, fundador de uma Escola de Samba na cidade chamada Garoto do Samba, a escola de Zé Gilete. Chiquinho conta que já brincou carnaval pela Imperadores do Samba, Ases do Ritmo, Sombras e tantos outros.

Com uma vasta bagagem de conhecimentos em torno do carnaval, Chiquinho Catapirra confessou que estar disposto a criar uma nova escola de samba para disputar o título do Carnaval de Macau. “Nós queremos que a nova escola seja chamada de Batuqueiros de Vila Izabel com as cores azul e branco”, disse orgulhoso.

Chiquinho Catapirra admite que o local onde o Museu Colô de Santana está localizado é pequeno e não mais comporta o acervo. Ele disse que o museu vai ser transferido para um prédio maior onde possa abrigar toda a grandeza e história do carnaval de Macau. “Esse museu representa a cultura viva da nossa cidade”, enfatizou.

Ponte de Todos Nossa Senhora dos Navegantes

Nossa Senhora dos Navegantes,é um feriado comemorado com procissões marítimas e fluviais, em cidades com rios, lagoas ou banhadas pelo mar. Em Macau no Rio Grande do Norte, temos nosso rio que dá nome à cidade, onde o evento acontece, reunindo fiéis que geralmente são trabalhadores ligados ao rio. São eles pescadores ou os famosos areieiros, figuras marcantes na história e no dia a dia de nossa cidade.

Macau no Rio Grande do Norte
Macau no Rio Grande do Norte

Nossa Senhora dos Navegantes é um título dado a Mãe de Jesus, Maria. A fé e a designação Nossa Senhora dos Navegantes têm início no século XV, com a navegação dos europeus, especialmente com os portugueses.

As pessoas que viajavam pelo mar pediam proteção à Nossa Senhora para retornarem aos seus lares. Maria era vista como protetora das tempestades e demais perigos que o mar e os rios ofereciam.

A primeira estátua foi trazida de Portugal junto com os navegadores. Pedro Álvares Cabral trazia em sua nau capitânia uma imagem de Nossa Senhora da Boa Esperança, sendo levada até a Índia, onde uma capela em sua homenagem foi erguida e ali ficou até o século XVII sob a guarda de franciscanos e sob mantença de descendentes de Cabral.

Atualmente, a imagem está na Igreja da Sagrada Família, em Belmonte, Portugal. Nossa Senhora dos Navegantes é também conhecida pelo nome de Nossa Senhora das Candeias, Nossa Senhora da Boa Viagem; Nossa Senhora da Boa Esperança e Nossa Senhora da Esperança.

Praia Diogo Lopes

Localizada no município de Macau, mais especificamente no distrito de Diogo Lopes, a Praia de Diogo Lopes é hoje uma das mais famosas da cidade. Mas não foi à toa que ela alcançou tamanho prestígio.

Caracterizada como uma praia de pescadores, cercada pela natureza, Diogo Lopes é conhecida principalmente por sua linda paisagem, um cenário paradisíaco. E isso não é só pelo mar, em sua paisagem, encontramos restinga, manguezais, falésias, dunas, além de vegetação típíca da catinga, um denso coqueiral e um estuário.

Porém, um dos principais destaques de Diogo Lopes não está simplesmente na sua beleza, mas nas medidas adotadas para sua preservação. Lá está a Reserva de Desenvolvimento Sustentável Estadual Ponta do Tubarão, com projetos de desenvolvimento sustentável, incluindo a pesca e o turismo ecológico. Dessa forma, a própria comunidade toma consciência da necessidade de preservar o ecossistema da região, evitando a pesca predatória o turismo predatório.

Além das belezas naturais e de ser um exemplo para o desenvolvimento sustentável, a Praia de Diogo Lopes também é palco de muitos eventos de Macau. Entre eles, merecem destaque a Festa das Flores, com a coroação de Nossa Senhora dos Navegantes, e o Encontro Ecológico de Diogo Lopes e Barreiras, ambos no mês de maio, além da Regata de Veleiros no Rio Tubarão, que ocorre durante o mês de Setembro.

Macau no Rio Grande do Norte e muito mais!

Se você gostou de conhecer um pouco mais sobre esse pedaço do paraíso e quer continuar aprendendo sobre as belezas do RN, aproveite para ler nosso artigo sobre: Genipabu Rio Grande do Norte.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.