+Natal RN - O Guia Comercial do Rio Grande do Norte
Vamos conhecer um pouco da nossa cidade?

Lajes – RN

0

Lajes é um município brasileiro do estado do Rio Grande do Norte. Segundo pesquisas do IBGE sua população é estimada em 11 316 hab.

Lajes – RN

Sua densidade é de 16,7 hab./km²

História da cidade de Lajes 

A colônia do território da cidade das Lajes, na verdade, começou no século XIX e, mais especificamente, em 1825, iniciou Francisco Pedro de Gomes Melo. ) Instalação da fazenda própria. Portanto, este local começou a se desenvolver e se tornou um ponto de descanso e uma parada obrigatória para os caubóis que passavam. Em 1895, Lajes tornou-se o distrito de Jardim de Angicos (libertado de Angicos em 1880) estabelecido pela lei municipal de 26 de janeiro daquele ano.

Conta uma história: em 1903, perto da Serra do Feiticeiro, uma mãe foi acompanhada pelo filho de cinco anos, José Alexandrino, para pastorear o rebanho. Três dias depois, o corpo da criança foi encontrado morto e em estado de decomposição. Ao lado da pedra batizada pelos moradores locais da Pedra do Anjo, há uma pequena igreja dedicada ao templo sagrado de Santa Cruz com um navio de cruzeiro em frente.

Chegada da Ferrovia Sampaio Correia

Foi com ela que se estabeleceu a conexão entre Natal e São Rafael, o desenvolvimento da vila foi fortalecido em 1914. A estação ferroviária foi aberta apenas em 15 de setembro de 1918 e agora está fechada. Ainda em 1914, através da Lei Estadual nº 360, aprovada em 25 de novembro, a sede do município foi transferida do Jardim de Angicos para as Lajes, e a cidade das Lajes foi estabelecida em 3 de dezembro de 1923 através da Lei Estadual 572.

Nas eleições municipais de 1928, dois candidatos concorreram: Luis Alzira Soriano e Sérvulo Pires Neto Galvão. Com mais de 60% dos votos, Alzira venceu a eleição e se tornou o primeiro prefeito do Brasil e da América do Sul estabelecido em 1º de janeiro de 1929. No segundo ano, o movimento revolucionário eclodiu e Alzira perdeu a posição e foi substituído por Adauto de Sá Leitão.

Em 30 de dezembro de 1943, o Decreto Estadual 268 mudou o nome da cidade para Itaretama, porque havia muitas pedras na área, e aprovou a Lei Estadual nº 1.032, que restaurou o nome original em 11 de dezembro de 1953. Nos anos 50, de acordo com a lei estadual histórica, a cidade de Lajes foi dividida em seis distritos, que foram todos desintegrados nos próximos dez anos e atualizados para um município: Caiçara do Vento, Jia Jardim de Angicos, Jandaíra e Pedra Preta. Na década de 1960, a Lei Estadual 2.971, de 29 de outubro de 1963, criou o Distrito de Firmamento, o único distrito não liberado, que ainda hoje faz parte da cidade.

Gostou da matéria?

Nos acompanhe

Compartilhe

Siga nosso Instagram

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.